Matsyasana – A Pose do Peixe

Na crença hindu é dito que Matsyasana pertence a uma das encarnações do DeusVishnu, que é o guardião do universo. Fala também, com certa frequência, que a terra se tornou corrupta e que a inundação varreria a terra por completo.

Vishnu assumiu o avatar de uma postura de pesca chamada Matsya e depois levou todos os diferentes sábios a um lugar seguro e assim preservou toda a sua sabedoria.

Este asana em particular, tem como objetivo ser ao mesmo tempo focado e resistente quando se sente desequilibrado, como Matsya que está preso e mantém a terra e o mar em equilíbrio.

É muito importante que você se certifique de que seu estômago e seus intestinos permaneçam vazios antes de fazer este asana especial. É aconselhável reservar algum tempo entre a última refeição e a atividade física e ter tempo suficiente para digerir os alimentos com facilidade.

Este asana também funciona melhor se você o praticar no período da manhã, porém, você também pode praticá-lo à noite.

Como Fazer Matsyasana?

como fazer pose do peixe Matsyasana

O primeiro passo é você se deitar de costas. Certifique-se de que suas pernas estão conectadas e suas mãos descansam confortavelmente ao lado do seu corpo.

Coloque as palmas das mãos debaixo dos quadris com as palmas de frente para o chão. Depois, junte os cotovelos e coloque-os também mais perto da cintura.

Suas pernas devem agora ser cruzadas para que seus pés sejam cruzados no meio e suas coxas e joelhos estejam descansando no chão.

Em seguida, inspire e levante o tórax para que sua cabeça seja levantada e a coroa toque o chão.

Certifique-se de que o peso de seu corpo repousa sobre seus cotovelos e não sobre sua cabeça. Ao levantar o peito, tente fazer pressão sobre as omoplatas.

Mantenha esta posição desde que ela seja confortável para você. Sustenha sua respiração normalmente.

Expire e depois solte esta posição levantando a cabeça e deixando seu peito cair no chão. Agora solte suas pernas e relaxe.

Dicas Importante

É melhor evitar esta posição em particular se você sofrer de pressão alta ou baixa. Os pacientes que sofrem de insônia e enxaquecas também precisam evitar esta postura.

No caso de uma lesão nas costas, é fortemente recomendado não tentar esta postura. Como iniciante, você pode sentir alguma tensão no pescoço ao praticar este asana.

Para evitar isso, você pode abaixar ligeiramente o peito ou até mesmo dobrar um travesseiro ou cobertor sob sua cabeça até que você se sinta realmente confortável nesta posição.

Benefícios da Pose do Peixe

  • Um texto tradicional fala que Matsyasana é “o inimigo de todas as doenças”.
  • Também ajuda a diminuir o peso corporal.
  • Matsyasana controla a circulação do sangue.
  • Pode restaurar a força da coluna vertebral e o equilíbrio geral do corpo e melhorar a postura.
  • O Matsyasana é abre o quadril. É destinado a pessoas com extensões de quadril profundas e cronicamente apertadas.
  • O Matsyasana também estimula o chakra do terceiro olho (Ajna chakra) e o chakra da garganta (Vishuddha chakra).
  • A Pose do Peixe representa poderosas batalhas contra a insônia e torna a glândula pineal forte para que você possa dormir bem à noite.
  • Ajuda contra a constipação, tensão ou estresse, doenças respiratórias e ansiedade.
  • Eleva a capacidade pulmonar.

O conteúdo Matsyasana – A Pose do Peixe aparece primeiro em Yoga ou Ioga.

Publicado por yogaouioga

O site Yoga ou Ioga tem objetivo de compartilhar a filosofia e história dessa arte milenar. O Yoga surgiu na Índia há mais de 5 mil anos, porém ninguém sabe com precisão a data correto e muito menos o nome de quem o idealizou primeiro. Existem vários tipos de Yoga e as práticas executadas atualmente se diferem muito das práticas ancestrais. Hatha Yoga: conhecido como Yoga clássica, sendo o estilo mais popular e pratica pelos iniciantes no Ocidente porque o estilo é direcionado ao condicionamento físico. Ashtanga Yoga: considerado filho do Hatha, suas práticas misturam seis séries de posturas estáticas que vão evoluindo pelo praticante no decorrer do tempo e conforme a capacidade do corpo de realizar as posturas necessárias para a prática. Vinyasa Yoga: outra derivação do Hatha, é um estilo mais contemporâneo. Um estilo muito gracioso pelo fato de sua prática ser baseada na realização de posturas em flow, isto é, fazendo movimentos que se encaixam, parecendo uma dança ensaiada. Kundalini Yoga: direcionado ao trabalho espiritual e promover conexão entre corpo, mente e espírito por meio da execução de atividades físicas. A respiração é fator crucial na prática de Kundhalini Yoga por crer que, juntando posturas e exercícios de respiração, podemos equilibrar os chakras. Raja Yoga: também direcionado para o lado espiritual de quem está executando. Conhecido também como Yoga Real, pelo fato de ser voltado para o Interior, crescimento pessoal do indivíduo e não para o esforço físico. Iyengar Yoga: concentra a permanência enquanto executa as posições e no alinhamento de todos os movimentos. Isso torna as aulas mais lenta e individual, mantendo a concentração em si mesmo durante a prática. Ao contrário do que muitos pensam o Yoga não está relacionado somente a atividade física, contorcionismo. Trata-se de um estilo de vida que busca a união tudo ao seu redor: universo, natureza, os outros, o Divino e etc. Os praticantes visam alcançar a união. Visite o site oficial: https://yogaouioga.com.br/hatha/curso-de-yoga-online

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: